Aprenda a lidar com um chefe e colegas narcisistas

Sabe reconhecer um narcisista? Pessoas com esta personalidade costumam dificultar o dia-a-dia dos outros e, se forem tolerados e recompensados, são quase impossíveis de conter podendo apresentar-se como potenciais agressores.

Um CEO narcisista pode gerar descontentamento na sua empresa, impossibilitando a retenção de talentos, dá como exemplo a revistadorh. Já colaboradores que têm o egoísmo presente na personalidade, além de gerar conflitos entre os colegas, dificilmente alcançarão um cargo de alto nível.

Já ouviu falar sobre a história de Narciso?

A mitologia grega diz que Narciso era muito vaidoso, arrogante e orgulhoso. A história conta que invés de Narciso se apaixonar pelas pessoas que o admiravam, ele ficou apaixonado por sua própria imagem, ao vê-la reflectida num lago.

Nas organizações há muitos profissionais como o Narciso. São pessoas que se recusam a falar sobre qualquer coisa que não sejam elas mesmos. Para eles, as suas conquistas são surpreendentes e estão sempre no centro da história.

Como agir nesta situação? Desligue-se da situação. Sabemos que não há como impedir que o seu chefe ou o seu colega narcisista exagere sobre os seus feitos. A melhor solução está no seu comportamento: diminua as expectativas e comece a mudar a sua maneira de pensar sobre eles.

O usurpador

Pessoas com o perfil narcisista tendem colocar-se no centro das atenções. Ao trabalhar num projecto com colegas com esta personalidade corre-se o risco de perder o crédito pelas nossas ideias. A solução: se perceber que um colega está a roubar as suas ideias,deve convencê-lo de que isso é inaceitável. Documente absolutamente tudo sobre o seu trabalho: guarde e-mails, anotações, etc.

O líder

Os narcisistas são altamente manipuladores, confiantes e acreditam que são superiores a todos à sua volta. No ambiente de trabalho, eles não medem esforços para conseguir o que querem. Pesquisas apontam que pessoas com esta personalidade têm maior probabilidade de chegar a um cargo de liderança, mesmo que eles sejam menos eficazes que os demais profissionais.

O que fazer? Talvez seja preciso programar um novo emprego. Uma empresa que promove pessoas inflexíveis e sem empatia provavelmente não está de acordo com o seu ideal profissional.

.

Ler Mais
pub


Comentários
A carregar...