As melhores práticas de Formação Empresarial em Portugal

A Human Resources vai dar a conhecer as melhores práticas de formação corporativa em Portugal, de empresas de referência. A partir de amanhã, e na próxima semana, daremos a conhecer um caso por dia. Fique atento.

 

Accenture, Celfocus (Grupo Novabase), EPAL, Fidelidade, Holmes Place, Randstad e Santander, são empresas que, na edição de Março da Human Resources, nos dão a conhecer as suas principais apostas quando se trata de promover a sua marca de empregador.

Iremos partilhar as suas práticas também aqui, no site da Human Resources, ao longo dos próximos dias.


Accenture: O poder da mudança para criar valor

Na Accenture defende-se que a inovação, a experimentação e a partilha de conhecimento devem estar presentes desde o primeiro contacto com a empresa. E isso está espelhado de forma muita vincada na formação que desenvolvem internamente.

 

Celfocus (Grupo Novabase) : De olhos postos na nova geração

Atrair e reter talento continua a ser um dos principais desafios das empresas que actuam no sector Tecnológico. A ainda que as universidades façam um excelente trabalho na formação», a «velocidade com que a tecnologia e os modelos de negócio avançam é tão acelerada, que as empresas precisam de estabelecer as suas próprias rotinas de qualificação das suas pessoas».

 

EPAL: O foco na sustentabilidade ambiental

Com oito anos de existência, a Academia das Águas Livres da EPAL desempenha um importante papel na formação para o sector da água e do ambiente. Um dos seus propósitos é acompanhar e suportar a estratégia de desenvolvimento e inovação da organização, com foco na sustentabilidade ambiental.

Fidelidade: Wevolution, para sustentar uma mentalidade de aprendizagem contínua

Há um não, o Grupo Fidelidade lançou o Wevolution, o centro de conhecimento e de aprendizagem onde cada colaborador, em conjunto com a sua liderança, define o seu percurso de crescimento pessoal e profissional, desenvolvendo ou aprofundando novos conhecimentos e competências.

 

Holmes Place: O foco na saúde, bem-estar e desenvolvimento pessoa

A Training Academy by Holmes Place surgiu da necessidade de formar profissionais qualificados para integrar os seus quadros de recursos humanos, mas evoluiu para servir as necessidades mais recentes do mercado de trabalho.

 

Randstad: O papel da Academia no desenvolvimento de talentos 

Falar de academia é falar de aprendizagem, da construção de caminhos, organizados por temáticas, que permitem a análise e o treino de conteúdos detalhados, partilhados por especialistas, com um contributo relevante para uma reflexão orientada. A importância de para pensar e aprender.

 

Santander: Apoiar activamente o desenvolvimento

O Santander quer apoiar activamente a requalificação, a actualização e a melhoria das competências e conhecimento dos seus colaboradores, fazendo com que eles próprios sejam responsáveis pelo seu próprio desenvolvimento.

 

 

Ler Mais
pub


Comentários
A carregar...