Assista agora, em exclusivo: Nuno Troni numa conversa com o secretário-geral da CAP sobre os desafios e atractividade do sector Agrícola para trabalhar

Veja agora mais um episódio da rubrica “O Admirável Mundo Novo”, hoje com Nuno Troni, director da área de  Professionals da Randstad Portugal a conduzir uma conversa com Luís Mira, secretário-geral da CAP – Confederação de Agricultores de Portugal, sobre os desafios do sector.

 

Actualmente, fala-se muito na importância de as empresas terem um propósito e no sector Agrícola esse propósito é evidente: «Se há um propósito principal e universal na vida é a alimentação». Ainda assim, quando se fala de trabalho, este não é um sector que surja no top of mind. Luís Mira acredita que é porque, hoje, nas sociedades desenvolvidas, não há falta de alimento, e é barato, porque isso tende-se a desvalorizar a sua importância. «

Mas, para além de ser imprescindível à nossa existência, há outros factores que o deviam tornar atractivo para trabalhar: desde logo a sua resiliência nas alturas de crise. Por outro lado, está a passar por uma transformação digital e a precisar de técnicos especializados, em áreas até aqui impensáveis quando se fala do sector agrícola, como o 5G, por exemplo. «Mas ainda há uma ignorância grande em relação à agricultura.»

Luís Mira tenta desmistificar estes preconceitos, falando de como o sector está a mudar, e partilha como conseguem (ou não) competir pelos perfis que todos querem.

Veja aqui a conversa com Nuno Troni:

 

Ler Mais
pub


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

*