EDP premiou investigadores por estudos sobre renováveis com 20 mil euros

Já são conhecidos os premiados da primeira edição do EDP Labelec Merit Award, o prémio promovido conjuntamente pela EDP Labelec e pela EDP New, duas áreas do grupo focadas em desenvolver projectos de inovação no sector energético.

Foram premiadas ex aequo duas teses de doutoramento com foco nas energias renováveis Carla Sofia da Silva Gonçalves da Universidade do Porto, com uma tese subordinada ao tema “Renewable Energy Forecasting – Extreme Quantiles, Data Privacy and Monetization” (doutoramento em Matemática Aplicada) e Simon Camal, com uma tese sobre “Forecasting and optimization of ancillary services provision by renewable energy sources”, da Escola MINES Paris Tech, Paris Science and Letters University (doutoramento em Energia e Processos). A cada um, será atribuído o prémio de 10 mil euros.

A tese de Carla Gonçalves pretende contribuir para aumentar a quota de fontes de energia renováveis de três formas: ajudar os decisores através da modelação de quantis de potência extrema dadas as previsões meteorológicas; garantir que vários agentes de energia possam realizar previsões colaborativas e desenvolver um mercado de dados para promover tal previsão colaborativa.

Já a tese de Simon Camal aponta uma solução para reduzir a incerteza em agregar produção renovável dispersa para obter um perfil de produção mais suave e a operação dentro de um sistema de controlo de central Virtual. Esta tese propõe métodos de previsão de produção renovável agregada e estratégias para a oferta conjunta de energia e serviços renováveis.

Lançado em Janeiro de 2022, o EDP Labelec Merit Award pretende distinguir a excelência académica na área da energia destinando-se a universitários de todos os mercados em que o grupo opera e que tenham desenvolvido teses de mestrado ou doutoramento sobre este tema.

A primeira edição contou com mais de 60 candidaturas de áreas como a produção e integração de energia renovável e descarbonização, redes inteligentes e distribuição de energia, novas soluções de energia limpa e tecnologias de inovação e Soluções digitais.

A selecção dos vencedores ficou a cargo de um júri composto por Ana Paula Marques (administradora executiva da EDP), Vera Silva (PhD, General Electric), Georgios Karionotakis (professor catedátrico, École Nationale Supérieure des Mines de Paris), Nikos Hatziargyriou (professor catedrático, National Technical University of Athens) e Fátima Montemor (Professora Catedrática e vice-presidente do Instituto Superior Técnico).

As candidaturas para a segunda edição do EDP Labelec Merit Award abrem no início de 2023 e podem ser feitas através do site da EDP Labelec.

Ler Mais



loading...

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.