COVID-19: Máscara volta a ser de uso obrigatório em espaços fechados

Conselho de Ministros realizado hoje avança com a medida de utilização de máscara nos espaços fechados.

António Costa anunciou o regressos das máscaras em espaços fechados para evitar o número de casos da Covid-19 em Portugal.

Com a declaração da situação de calamidade a partir de 01 de Dezembro, as máscaras voltam a ser de uso obrigatório em espaços fechados, assim como a obrigatoriedade da apresentação de certificado digital para acesso a espaços e eventos específicos, como restaurantes, estabelecimentos turísticos e alojamento local, além de eventos com lugares marcados e ginásios.

Passa também a ser obrigatória a apresentação de um teste negativo – além do certificado de vacinação -, para visitas a lares, visitas a pacientes internados em estabelecimentos de saúde, acesso a grandes eventos sem lugares marcados ou em recintos improvisados e recintos desportivos e para entrada em discotecas e bares.

Agora quem quiser viajar para Portugal tem de apresentar um teste Covid-19 obrigatório negativo, independentemente do ponto de origem ou nacionalidade do passageiro, sendo que «é uma obrigação de todas as companhias de aviação, no momento do check-in só permitir embarque nos voos para Portugal de pessoas que provém estar devidamente testadas e não podem transportar pessoas que não estejam devidamente testadas».

«O não cumprimento desta norma levará a uma coima de 20 mil euros por cada passageiro a ser pago pelas companhias de aviação», avançou António Costa na conferência de imprensa.

 

Ler Mais
pub


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

*