People Talks. Marlene Rosário, Bosch: «Os desafios das organização passam por gerir a excepção e pela humanização»

A People Talks desta semana tem como convidada Marlene Rosário, directora de Recursos Humanos da Bosch Security Systems. Apesar de reconhecer ser impossível prever como vai ser o mundo do trabalho, tem uma certeza: «as organizações vão ter que ter um propósito, vão ter que se humanizar.» Assista agora, às 14h30, nas plataformas da Human Resources (aqui ou no Linkedin ou Facebook).

 

A conversa começou com os desafios trazidos pela pandemia mas o foco agora é o futuro. Marlene Rosário defende que os modelos de trabalho terão necessariamente que ser mais flexíveis, mas para a Bosch não faz sentido ter equipas 100% remotas, principalmente porque, com mais de um século em Portugal, e apesar de terem já mais de 6300 colaboradores, a cultura é de «proximidade – familiar, até», não querem perder essa identidade.

Os desafios passam também – e isso não mudou com a COVID-19 – pela escassez de talento, que é uma dificuldade generalizada. A estratégia da Bosch passa por não ter a pretensão de chegar a todos os candidatos, mas em saber o que procuram e cirurgicamente ir procurar esse perfil. Outro desafio é perceber que o tradicional fascínio dos Recursos Humanos pelo standard já não é eficaz, sendo preciso ter em conta a individualidade dos colaboradores, e gerir as excepções.

A conversa foi conduzida por Ana Leonor Martins, directora de redacção da Human Resources Portugal.

People Talks é a nova rubrica vídeo da Human Resources, que dá destaque aos desafios e tendências na Gestão de Pessoas e também ao que de melhor se faz neste âmbito em Portugal.

Veja aqui:

Ler Mais
pub


Comentários
A carregar...