Relógio de ponto remotamente? Sim, é possível. Saiba como a Sumol+Compal está a fazer

A Create IT, empresa portuguesa focada no desenvolvimento de sistemas multiplataforma críticos e de suporte ao negócio, implementou uma solução de relógio de ponto na Sumol+Compal que permite o registo das entradas e saídas dos colaboradores da empresa em qualquer lugar, salvaguardando acidentes de trabalho e garantindo o reporte dos dados nos seus postos de trabalho, em home office.

 

A solução foi implementada sob a plataforma Power Apps, uma ferramenta low-code/no-code que pertence ao ecossistema Microsoft Power Platform. Através desta aplicação, os colaboradores da Sumol+Compal conseguem, remotamente, registar as suas horas de entrada, pausa e saída, bem como a localização de onde estão a aceder e registar os dados na aplicação.

O relógio de ponto é acessível via web ou em dispositivos móveis e permite que os dados sejam integrados na sua fonte de dados, em SharePoint. Através de serverless code (Azure functions) os dados são integrados numa ferramenta ERP externa para que sejam devidamente utilizados nos sistemas de suporte à decisão.

«Através desta aplicação, o departamento de Recursos Humanos da Sumol+Compal vê o seu processo de gestão presenças e gestão do espaço de trabalho dos seus colaboradores agilizado e integrado facilmente no módulo de RH do ERP, complementando o sistema de relógio de ponto presencial, e garante que cobre os requisitos legais do processo de gestão de presenças, validando se os colaboradores estão ou não em teletrabalho», explica Hugo Gonçalves, gestor de Sistemas de Informação da Sumol+Compal.

A aplicação está disponível para os cerca de 1200 colaboradores da Sumol+Compal em Portugal, e a sua adopção tem vindo a crescer ao longo do tempo.

«Num contexto de confinamento e com grande parte da operação da empresa em ambiente de contingência, o sistema permitiu a adaptação rápida à nova realidade, garantindo a continuidade numa situação crítica onde era essencial manter uma eficaz gestão da assiduidade. Conseguimos agilizar o processo de controlo e registo de entradas e saídas dos colaboradores e apostar em tecnologia recente e inovadora», acrescenta Hugo Gonçalves.

A Create IT foi responsável por todas as fases do projecto, desde a definição e discussão de requisitos até à implementação, governance e passagem a ambientes de qualidade e produção. O envolvimento directo da área de Sistemas de Informação da Sumol+Compal garantiu um elevado grau de alinhamento com as necessidades do grupo ao longo de todo o processo.

«Com este projecto, a Sumol+Compal testou a abordagem low code através da Power Platform, contribuindo para a renovação do seu processo de desenvolvimento de aplicações através da implementação da visão arquitetural proposta pela Create IT. Foi com muita satisfação que estivemos envolvidos nesta solução crítica para o departamento de Recursos Humanos da Sumol+Compal, reforçando a relação já existente na área de colaboração e intranets, e serviços de suporte», conclui David Oliveira, responsável técnico pelo projecto na Create IT.

Ler Mais
pub


Comentários
A carregar...