Ser nómada digital é uma nova tendência no mundo do trabalho. E a Madeira quer atrair estes profissionais

O teletrabalho é o novo normal para milhares de trabalhadores, mas para os nómadas digitais é uma realidade que abraçaram há largos anos. Mas o que são nómadas digitais? São indivíduos que trabalham online e viajam a tempo inteiro pelo mundo, o sonho de muitos que agora se tornou uma realidade com o anúncio de milhares de empresas que vão abraçar para sempre o teletrabalho, como é o caso do Facebook, Twitter, Outsystems e Talkdesk.

 

Com a liberdade que têm, os nómadas viajam tendencialmente para os locais mais bonitos do mundo, locais quentes, com bom tempo, boa comida, actividades na natureza e acima de tudo boa Internet. Conseguindo juntar grande parte destas condições, a Madeira lança agora uma estratégia integrada de atracção deste mercado para o arquipélago de forma a dar-se a conhecer como um dos melhores locais no mundo para trabalhar remotamente, assim nasceu o projecto “Digital Nomads Madeira”.

Desenvolvido pelo Governo Regional da Madeira, através da Startup Madeira, tem como objectivo atrair nómadas digitais de todo o mundo para virem trabalhar desde a Madeira. Profissionais das maiores empresas e empreendedores digitais vão fazer da ilha a sua casa por períodos entre 1 e 6 meses, vivendo como locais nas comunidades à volta da ilha.

Integrado no projecto, a Ponta do Sol irá contar com um projecto piloto único em todo o mundo, a Digital Nomad Village.

A vila tem as condições perfeitas para nómadas que procuram o sol e um estilo de vida tranquilo rodeados de natureza e será a primeira vila nómada do mundo.

Ler Mais
pub


Comentários
A carregar...