Tem muitas pessoas a sair da sua empresa? E sabe calcular o turnover? Veja aqui como se faz (e se deve ficar preocupado)

No mundo de recrutamento perfeito, cada candidato é uma contratação certa, mas na realidade tal nem sempre acontece. Em vez disso, ocorrem vários tipos de turnover laboral. Acontece em todas as empresas, mas é preciso perceber se os números são preocupantes, pois há várias desvantagens para as empresas. A Randstad explica como o calcular.

 

O turnover de colaboradores é uma medida do número de pessoas que deixam a sua empresa durante um período de tempo específico. Quanto maior for a sua taxa de turnover, mais precisará de recrutar e os custos de recrutamento somam-se.

Antes de começar, determine o período de tempo, a maioria das organizações calcula o turnover trimestral ou anual. Depois, descubra quantos colaboradores tinha no início desse período e quantos estavam presentes no final. Junte estes dois números e divida por dois para determinar um número médio de colaboradores.

Depois, somar o número de pessoas que deixaram a sua empresa durante o período de tempo. Pode utilizar a seguinte equação para chegar a uma percentagem de turnover:

(Trabalhadores que saíram ÷ número médio de trabalhadores) x 100 = percentagem de turnover de trabalhadores

Imagine que emprega 200 pessoas a 1 de Janeiro e 196 pessoas a 31 de Dezembro:

  •  (200 + 196) ÷ 2 = 198 trabalhadores em média

Entre 1 de Janeiro e 31 de Dezembro, 20 pessoas deixaram a sua empresa. Com esse número em mente, eis como calcularia a percentagem de turnover:

  • (20 ÷ 198) x 100 = 10.1% de turnover

Se empregar trabalhadores temporários ou sazonais, calcule o turnover para este grupo separadamente do turnover de pessoal permanente a tempo inteiro e a tempo parcial. Desta forma, pode acompanhar com mais precisão as despesas relacionadas com o staff.

 

Turnover efectivo
O turnover efectivo refere-se ao número de colaboradores que se perde durante um determinado e curto período de tempo. A maioria das empresas calcula este número mensalmente. Uma das melhores razões para calcular o turnover efectivo é manter o controlo das demissões, rescisões e redundâncias à medida que estas ocorrem.

Para obter uma percentagem real de turnover, basta utilizar a equação geral acima, mas utilize uma média mensal, em vez de uma média anual, para os colaboradores.

Turnover anual
Com números para o turnover efectivo em mãos, é possível calcular o turnover anual. Este é projectado por mês ou por ano, e pode utilizar esse valor para planear com antecedência os custos de recrutamento.

Basta somar o número médio de colaboradores para cada mês. Em seguida, dividir o total por 12 para obter um valor médio mensal. Depois disso, somar o número de colaboradores que perdeu por mês; mais uma vez, dividir esse total por 12 para calcular uma média mensal. Finalmente, insira os seus números na equação geral de turnover para produzir uma percentagem média mensal de turnover.

Ler Mais


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

*