I Have the Power: Coaching com PNL

O Coaching é a metodologia em tendência e que claramente está a transformar a vida de milhares de pessoas em todo o mundo, quer a nível pessoal quer a nível profissional.

 

Acontece que com alguma frequência nos deparamos com situações que estão enquadradas no que podemos chamar de “doença mental” e que devem sem abordadas por profissionais da área da saúde como psicólogos e psiquiatras. Há, no entanto, um enorme espectro de situações que, não sendo doenças, podem ser abordadas através do Coaching combinado com as poderosas ferramentas da PNL (Programação Neuro-linguística).

A PNL não é uma ciência e muito menos uma neurociência, mas sim um conjunto de ferramentas altamente eficazes de “ensino da mente” de modo a potenciar a mudança que muitas pessoas necessitam de fazer para mudarem os seus resultados. Com a PNL, nomeadamente seguindo a corrente Bandler, é possível identificar e eliminar/reduzir medos, transformar crenças, desactivando crenças limitadoras, instalando novas crenças ou programando a mente para automaticamente transformar crenças redutoras em potenciadoras, retirando assim enormes bloqueios que impedem milhões de pessoas de serem felizes e projectarem todo o seu potencial. Mas há muito mais que se consegue fazer, e rapidamente.

Mudar a forma de visualizar resultados para que o seu subconsciente se converta num aliado e não num opositor do que deseja, identificar com precisão os bloqueios inconscientes que têm boicotado os teus desígnios, a identificação e validação da tua estrutura de valores, para que possa aumentar os seus níveis de congruência pessoal profunda e melhorar os seus relacionamentos, de todos os tipos.

Além disso ainda pode melhorar os seus sistemas de comunicação, consigo mesmo(a) e com os outros, tão importantes nas equipas de vendas, nos cargos de liderança, na profissão de educadores e no dia a dia dos pais e dos filhos.

E que dizer do quanto se pode ajudar jovens a serem mais felizes, ensinando-os a estudar, maximizando o seu interesse pelo conhecimento e por resultados extraordinários, reduzindo drasticamente o enorme esforço que muitas famílias fazem com os seus filhos, às vezes para resultados inglórios, apenas porque não sabem o que a PNL os pode ajudar?

E agora imagine o que pode acontecer quando combinamos estas ferramentas com a linguagem não verbal, com a identificação de perfis de comunicação, com a capacidade de gerar empatia inconsciente automática, com a sugestão hipnótica no marketing e nas vendas, enfim, imagine o quanto podemos ajudar pessoas a serem melhores.

Nos mais de 19 anos em que estamos no mercado e trabalhando com clientes individuais, executivos, ou com multinacionais com mais de 300.000 colaboradores, e com clientes que provêm de mais de 80 países, sabemos o quanto esta combinação do Coaching com a PNL pode gerar comentários do tipo «entrei uma pessoa para a sessão de coaching e saí uma pessoa nova e renovada», e temos escutado isto muitas e muitas vezes. Às vezes encontro pessoas que tiveram más experiências com a PNL, ou através de maus profissionais incompetentes, ou em workshops apelidados de PNL mas que nada têm a ver com a PNL e que, reconheço, às vezes mostram a falta de ética de alguns no mercado.

Mas, não devemos julgar a floresta por uma árvore, pois há maus profissionais em qualquer área. Animo todos para que estudem mais e aprofundem o seu conhecimento sobre o Coaching e sobre a PNL, e a sua fantástica combinação. Tenho a certeza absoluta de que ficarão fãs, como eu. Há mais de 42 anos que estudo a mente. Começou por ser um hobby, quando eu tinha 17 anos. Até hoje em que tenho 59, e de tudo o que tenho estudado, não há nada melhor nem que se aproxime do que esta combinação permite alcançar. À semelhança de outros países evoluídos, cada vez há mais equipas multidisciplinares que combinam nutricionistas, psicólogos, especialistas de PNL, coaches, e outras valências, até para abordar casos complexos em que a combinação de saberes podem contribuir para o nosso propósito: ajudar as pessoas a mostrarem todo o seu potencial.

No final tudo se resume a permitir que se deixe a maravilha de cada ser humano se manifestar sem restrições pois, como muitas vezes digo, «na mente tudo o que é abaixo de 100% é limitação».

 

Este artigo faz parte do Caderno especial “Coaching” publicado na edição de Outubro (n.º 142) da Human Resources.

Caso prefira comprar online, tem disponível a versão em papel e a versão digital.

Ler Mais



loading...

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.