Navegando pela Categoria

Nas bancas

O “coração” que une todas as pessoas

É assim que Maria da Luz Penedos vê a Comunicação na Altran. Envolvendo os colaboradores na criação de conteúdos e mantendo-os alinhados com a cultura e estratégia da organização, acredita que se gera sentimento de pertença, orgulho e motivação.

Gosto pela mudança, sem medo do incerto

Diz ter uma “liderança adaptável”, e adaptável tem sido também o percurso de Sandra Alvarez, porque muda sempre que sente que já não está a acrescentar valor. Ou quando o sítio onde está não lhe acrescenta valor a si.

Organizações Agile: Sim, não ou depende?

Muitas organizações quiseram sê-lo e tentaram. Umas conseguiram e seguem em frente. Outras voltaram para trás. Mas a dúvida permanece: o que é, em concreto e verdadeiramente, uma organização “agile”?

Qual o raio de acção?

Por Ricardo Florêncio O conceito VUCA (acrônimo que, traduzido do inglês, significa Volatilidade, Incerteza, Complexidade e Ambiguidade) nasce no exército americano no auge da Guerra Fria, centrando-se na necessidade de uma estratégia que se adapte rapidamente a mudanças de cenários. Actualmente, a…

Janeiro 2020

Editorial Qual o raio de acção? Conselheiro Gonçalo Rebelo de Almeida | Os desafios para 2020 num sector em pleno emprego Almoço Editorial Os grandes temas para 2020 Radar Entrevista Sandra Alvarez, Directora-geral da PHD Tema de capa Organizações Agile: Sim, não ou depende? |…

Internacional: Como ser um líder estratégico

Antes de mais, importa perceber o que é ser estratégico. Há três tarefas nas quais os gestores, sejam novos ou experientes, devem investir mais tempo para se tornarem melhores líderes estratégicos.

Leis para que te quero

Conheça ps resultados da 28.ª edição do Barómetro Human Resources. Em destaque, as recentes alterações ao Código do Trabalho e o tema da diversidade e inclusão nas organizações.

Da base ao topo da pirâmide

Na Häagen-Dazs privilegia-se a progressão de carreira e a retenção de talentos. E Sílvia de Sousa e Mónica Galvão são a prova viva disso mesmo. Tendo chegado ao “topo da pirâmide”, o que as mantém motivadas é a vontade de fazer sempre mais e melhor.

Rita Cadillon: Para desafios iguais, uma resposta diferenciadora

Sendo a Primavera BSS uma empresa tecnológica, adivinha-se qual é o seu principal desafio na Gestão de Pessoas. Não havendo fórmulas mágicas, a resposta para atrair e reter talento também não é rocket science: passa pela proximidade, reconhecimento, cultura de inovação e desenvolvimento.