COVID-19. The day after

«Se o mundo vai ter de mudar assim tanto, devemos investir tudo na manutenção dos postos de trabalho e das empresas que existiam ou devemos direccionar parte do esforço público de apoio na criação de empresas e postos de trabalho verdadeiramente novos e que permitam aproveitar a crise para efectivar…

Quando o propósito é servir a sociedade

Pioneira em Portugal no estabelecimento de ligações entre os mundos empresarial e o académico, a Siemens materializa estas relações de parceria de diferentes formas.

A crescente importância do salário emocional

«Um colaborador feliz pode ser 30% mais produtivo. Sendo a felicidade um conceito abrangente, que envolve a realização profissional e a sensação de pertença cultural e de motivação para superar o que está perspectivado, é essencial conhecer os colaboradores e as suas necessidades.» Leia o artigo de…

Trabalho temporário: Quais as vantagens?

Randstad e Intelac são empresas que, na edição de Março da Human Resources, nos dão a conhecer como tem estado a evoluir o trabalho temporário e qual a importância que assume no mercado de trabalho.

A importância das Academias Corporativas

Numa altura em que atrair e reter talento é crucial para as organizações, e há uma necessidade constante de renovação de conhecimentos e aquisição de novas competências, as Academias de formação assumem um papel importante. Altice Portugal, EDP, Rock in Rio Academy mostram como esta é uma área cada…

É esta a pergunta que deveria estar a fazer agora

«Todos, de formas diferentes, estamos a passar pelas mesmas fases e sensações: certeza, medo, inspiração, solidão, preocupação financeira. Ao fazer essa simples pergunta, mostramos ao outro que ele não está sozinho.» Mic Aisenberg, curadora de Conteúdo Rock in Rio Innovation Week, diz-lhe qual é a…

O trabalho no pós-COVID-19 e os ‘enxames’ como nova resposta

«Quando regressarmos aos nossos postos de trabalho e tivermos a necessidade de os adequar a uma nova cultura de trabalho que, entretanto, fomos, colectivamente, ajudando a moldar, o que devemos ter conta?» Filipe Ferreira, co-fundador e sócio da Sfori, dá a resposta.