Sabe em que países os profissionais são mais optimistas? Vai ficar surpreendido

Trabalhadores felizes e que conseguem equilibrar as várias facetas da vida são mais produtivos. Com isso em mente, um novo estudo da rede social LinkedIn revela os 16 países onde os profissionais têm visões mais optimistas sobre a sua carreira. Descubra aqui a lista. 

 

De acordo com o Índice Anual de Oportunidades do LinkedIn, citado pela “CNBC”, os trabalhadores da Índia (121 pontos), Indonésia (117) e China (116) são aqueles com melhores perspectivas de carreira. Nestas três nações asiáticas, os níveis de optimismo são mais altos do em alguns dos principais mercados de trabalho do mundo, incluindo os Estados Unidos, Canadá, Alemanha e Reino Unido.

Metade dos inquiridos da chamada «Geração Z» (nascidos entre 1994 e 2009) e 48% dos «millennials» (1981-1994) destes três países acreditam que a economia nacional venha a melhorar nos próximos 12 meses e que produza efeitos positivos no mercado de trabalho.

Os Estados Unidos lideram os níveis de optimismo entre as nações ocidentais (104), impulsionados por um período prolongado de expansão económica.  «Os níveis contrastantes de optimismo entre os mercados desenvolvidos e em desenvolvimento sugerem que as pessoas nas economias desenvolvidas podem estar a acreditar que o seu mercado atingiu um ponto de saturação», fez notar  Olivier Legrand, director administrativo do LinkedIn na Ásia-Pacífico, em declarações à “CNBC”.

Já o Japão, conhecido pela sobrecarga de trabalho, posiciona-se nos últimos lugares da tabela, com 80 pontos. «Os inquiridos do Japão sentem que a sua qualidade de vida caiu em comparação com a dos seus pais. Esse sentimento pode ser um dos factores que contribuiu para a sua visão menos optimista sobre a economia e as oportunidades futuras», crê Legrand.

O Índice Anual de Oportunidades do LinkedIn teve em conta as respostas de mais de 30 mil profissionais, entre os 18 e os 65 anos, em 22 mercados de trabalho.

Ler Mais
pub


Comentários
A carregar...