Está num processo de recrutamento e quer destacar-se dos outros candidatos? Siga estas dicas

Todos sabemos: candidatar-se a um emprego é esmagador, no mínimo. Passar o dia todo sentado em frente ao computador a reescrever a sua carta de apresentação e a ajustar o seu currículo, só para continuar sem trabalho, sublinha a Adecco.

 

Claro que a primeira coisa a fazer quando vê uma oportunidade é candidatar-se online o mais rápido possível para que possa entrar no processo, mas considere fazer algo um pouco mais criativo para que os recrutadores vejam que é diferente dos outros. Portanto, escolha 2 ou 3 empresas onde deseje trabalhar e faça a sua criatividade fluir.

1. Envolva-se com a empresa nas redes sociais
Vincent Carabeo conseguiu um emprego como administrador comunitário na empresa dos seus sonhos, Moment, uma startup de fotografia móvel em Seattle, depois de interagir com a marca através do Instagram. Carabeo, um ávido fotógrafo, foi visto pela primeira vez pela empresa depois de ganhar o seu concurso no Instagram e de ter frequentado um Instameet em Nova Iorque, onde conheceu o gerente comunitário da empresa.

Quando Moment soube que se ia mudar para Seattle, pediu a Carabeo que colaborasse no blog da empresa e, depois de ver como estava dedicado à marca, a empresa contratou-o a tempo inteiro.

“Foi uma sorte ter-me mudado para Seattle, onde a empresa estava localizada”, diz Carabeo. “Eles sabiam que eu estava à procura de trabalho e acho que o que me deu destaque é que eu realmente adorei o produto deles e publiquei sobre eles a toda a hora nas minhas contas nas redes sociais.”

2. Faça um currículo de vídeo
Se já ouviu falar do “currículo do Snapchat”, lembrar-se-á da história de Eli Maravich, que criou um vídeo de três minutos do Snapchat na esperança de conseguir um emprego na empresa. No espaço de uma semana, o vídeo de Maravich alcançou um milhão de visualizações e o YouTube acabou por entrevistar a própria empresa.

O Snapchat fez uma oferta ao Maravich, que este acabou por recusar. Mas ficou a experiência de saber que a sua abordagem criativa foi bem sucedida e chamou a atenção de muitos outros empregadores.

“Basicamente, atrai a atenção de toda a Internet”, diz Maravich, “então o Snapchat não teve escolha a não ser responder. Se conseguir divulgar uma empresa com boa luz ou dar-lhe publicidade gratuita e positiva, alguém irá contactá-lo. Anúncios amadores e vídeos virais com ideias assim podem levá-lo a uma entrevista na sua empresa de sonho.”

3. Crie a sua própria campanha para chamar a atenção dos recrutadores
Nina Mufleh enviou centenas de pedidos a dezenas de empresas em Silicon Valley e nunca recebeu resposta de nenhuma. Frustrada, Mufleh percebeu que precisava de mudar o foco. A empresa dos seus sonhos era a Airbnb, por isso decidiu criar uma campanha experimental de marketing chamada “nina4airbnb.com” para se promover e divulgar as suas estratégias de marketing para a empresa.

Mufleh sabia que tinha muitas possibilidades não só para atrair a atenção da Airbnb, mas também de muitas outras empresas que a interessavam. Mufleh tinha como alvo a Airbnb porque a equipa de liderança era muito ativa no Twitter, por isso sabia que tinha boas hipóteses de brilhar no radar da empresa.

A campanha de Mufleh funcionou e, em poucos dias, milhões de pessoas viram o seu site. Isto acabou por lhe dar a oportunidade de se encontrar com as suas empresas de sonho e decidiu juntar-se à Upwork, uma empresa que liga empresas com profissionais online independentes e treinados, como gestora de crescimento independente. Ela diz que se encaixa perfeitamente.

“À medida que passei por entrevistas com a Airbnb e outras empresas, aprendi a importância de me concentrar em objetivos estratégicos e de reinventar constantemente formas de lá chegar”, diz Mufleh.

“Às vezes as abordagens tradicionais funcionam e fazem-no rapidamente, oque é ótimo. Mas quando não é, é importante dar um passo atrás e entender o que são os bloqueadores e depois pensar em formas criativas de os contornar.”

Ler Mais
pub


Comentários
A carregar...