Galp distinguida com prémio “Academias”

A Galp venceu nesta categoria, tendo sido considerada a empresa com a melhor academia interna, formações mais diversificadas, completas e actualizadas, na nona edição dos Prémios Human Resources. A EDP e a Novabase completam o top 3.

 

«Quando, em 2010, criámos a Academia Galp, com o objectivo de dar resposta às necessidades de formação avançada na empresa, não antevíamos que esta rapidamente se tornaria uma referência. No entanto, da mesma forma que fomos ambiciosos nesse momento, também o somos hoje ao vivermos num mundo em transformação, incerto e em constante mudança. Neste enquadramento, a resposta passa por uma aprendizagem rápida e ágil, que desenvolva competências diferenciadoras e que promova a criação de programas e iniciativas com maior impacto. Tornase fundamental um novo olhar para o desenvolvimento de pessoas, numa cultura de aprendizagem ao longo da vida, personalizada e aberta ao mundo, baseada em metodologias inovadoras e que permitam a transferência de conhecimento e de experiências. Num sector em que as disrupções tecnológicas e de mercado se fazem sentir diariamente, para que o crescimento e a sustentabilidade da Galp sejam uma realidade, a aprendizagem assume um papel essencial. Neste sentido, a Galp tem vindo a redefinir o seu posicionamento e actuação. Temos hoje uma estratégia integrada, que aposta no futuro, alicerçada num ecossistema holístico, que permita explorar ao máximo o potencial de aprendizagem de cada pessoa. Definimos um modelo que potencia o saber, o fazer, o partilhar e o ser, isto é, o conhecimento, a prática, as vertentes mais informais e colaborativas e o autoconhecimento, a consciência e as atitudes. O ecossistema de aprendizagem pretende envolver todas as partes interessadas, catalisando a inovação e a criatividade em ambientes disruptivos, mais práticos e mais positivos, bem como verdadeiras comunidades de aprendizagem, com vista a disseminar o ADN da Galp no mundo: instigar, provocar e inspirar. Acreditamos que uma organização apenas será sustentável se tiver a capacidade de aprender, pelo menos, à mesma velocidade da mudança. Assim, aceitámos o desafio de criar um ambiente de aprendizagem activo e constante, que possibilite a emergência de uma cultura ágil e sustentável, que promova a autonomia e a responsabilidade, visando elevados níveis de desempenho e de inovação, de forma próxima das pessoas, das entidades parceiras e das comunidades, potenciando relações de confiança e o exercício de meritocracia. Este é o nosso caminho: learning@galp.»
Rui Mendes da Costa, head of cultural & organizational da Galp

 

Pode (re)ver os melhores momentos e recordar as empresas e profissionais distinguidos aqui.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

*